31.jan.2013 | Rentcars.com | Roteiros

Os prazeres da Serra do Mar no Paraná

Engana-se quem pensa que a Serra do Mar é só dos paranaenses. Ela começa no Espírito Santo e vai até o Sul de Santa Catarina.

No Paraná ela não é uma serra típica. Se eleva de 500 a 1000 metros acima do nível do mar e corta uma área de 110 quilômetros de extensão de Mata Atlântica preservada, o que proporciona uma beleza exuberante. Parte do trajeto pode ser feito por um trem com mais de 125 anos de história que leva turistas de Curitiba à Paranaguá, passando pela histórica
cidade de Morretes. Essa é uma atração turística mesmo, visto que há paradas nos recantos da belíssima Estrada da Graciosa, como é conhecida a PR-410.

Serra do Mar: Fauna e Flora

Em 1952 a Serra do mar foi colocada sob proteção pública. O ato considerou que a mata é vital para a cidade de Curitiba e região metropolitana, por conta da água vital para as cidades.
Além disso, a conservação é de absoluta necessidade para as baías de Paranaguá e Guaratuba, que de outra forma poderiam ficar obstruídos por sedimentos, areia ou detritos.

A Serra abriga muito animais selvagens, entre eles quatis, iraras, furões, ouriços, cuícas,tatus; macacos, como o bugio e macaco-prego; felinos, como onça-pintada, suçuarana, jaguatirica, gato-do-mato e gato-mourisco. Além desses, pode-se encontrar também várias espécies de aves, como gaviões, jandaias, juritis, saíras, pica-paus, macucos, jacus e tucanos.

Parque Estadual da Graciosa

Ao longo da estrada, toda cheia de flores e flora exuberante, existem dois Parques considerados Patrimônios Culturais: Parque Estadual da Graciosa e o Parque Estadual Roberto Ribas Lange, além dos recantos.
O acesso à estrada é dado pela BR-116. Todo o trecho é asfaltado e com pavimentação poliédrica, e ainda conserva a construção antiga, feita em pedra pelos tropeiros no século 20.
Os motoristas devem ficar alerta às curvas da estrada, que são muitas. Além disso, em dias de muita neblina a visibilidade é baixa e recomenda-se até mesmo que seja evitado esse trajeto.

As belezas desse trecho renderam à estrada da Graciosa um tombamento como patrimônio cultural do estado do Paraná, em 1986 e mais tarde, a Unesco declarou o local como Reserva Biosfera da Mata Atlântica.

Os recantos que existem à beira da estrada são locais de lazer, com quiosques e churrasqueiras que ficam disponíveis ao uso de turistas. Mas, recomenda-se chegar cedo, pois antes das 09h da manhã, estacionamento e quiosques costumam ficar cheios.

Passeio de trem

Uma opção para conhecer a Serra do Mar é fazer o passeio de trem que, diariamente leva turistas de Curitiba à Morretes.
Se você estiver de carro, é só deixá-lo estacionado na rodoferroviária e partir para o passeio. O trajeto é encantador e cheio de pequenas cachoeiras.

Do trem já da para avistar a histórica cidade de Morretes que abriga o Parque Estadual do Pico Marumbi, local onde praticantes de esportes radicais costumam se encontrar para explorar tanto as corredeiras do Rio Nhundiaquara, quanto escaladas e montanhismo.
A bucólica Morretes é conhecida pelas variadas opções de ecoturismo com adrenalina, como cicloturismo, rapel, rafting e outros.

O que mais conhecer?

Alugar um carro e aproveitar para conhecer tudo o que a região do litoral do Paraná tem a oferecer é a melhor alternativa, e neste caso a dica é seguir até a Ilha do Mel.

os-prazeres-da-serra-do-mar-no-parana

Ilha do mel

A balsa para a Praia das Encantadas sai do Pontal Sul, então é para lá que você deve seguir. Ao longo da Ilha do Mel existem diversas trilhas que levam à várias outras praias, como Mar de Fora, Morro do Sabão, Praia e Morro do Miguel, Morro do Meio, Praia Grande e Praia de Fora.

Há também o Farol das Conchas, construído em 1872 e que até hoje orienta os navegantes da Baía de Paranaguá e a Fortaleza Nossa Senhora dos Prazeres, construída em 1767 para proteger o Brasil dos ataques espanhóis.

Se você não estiver de carro, mas tem muita vontade de conhecer todos esses lugares, não se preocupe, é possível alugar um carro em Curitiba ou em Paranaguá e fazer todo o trajeto com conforto e sem pressa.

Compartilhe

Todos os esforços foram feitos para validar todas as informações dos textos publicados neste blog no momento da sua redação, porém a Rentcars.com não se responsabiliza por imprecisões ou alterações futuras que possam ocorrer em função do dinamismo das ofertas e condições do mercado de turismo. Os artigos aqui publicados, bem como os eventuais comentários de seus leitores, têm caráter meramente informativo e cabe ao cliente validar antecipadamente junto a Rentcars.com e/ou Locadoras qualquer informação que possa afetar seus planos de viagem.

Nenhum comentário »

Nenhum comentário ainda sobre o post. Seja o primeiro a comentar.

Feed RSS dos comentários deste post TrackBack URL

Deixe um comentário